montain-bike

Mountain Bike

Dicas para escolher a melhor Mountain Bike

As bicicletas de mountain bike ou simplesmente MTB. São os modelos mais difundidos e ideais para estradas de terra, trilha por florestas ou outros caminhos mais rústicos.

Essas bicicletas possibilitam o ajuste ao biótipo de cada ciclista. Existem modelos para os ciclistas iniciantes e para os ciclistas que desejam mais adrenalina percorrendo caminhos mais longos e com maiores dificuldades.

Para escolher uma MTB vários fatores devem ser levados em consideração. A seguir você encontra dicas que podem ser úteis para que você consiga comprar a sua MTB ideal.

Componentes essenciais de uma Mountain Bike

Os componentes de uma bike são peças, acessórios, cabos, parafusos e tudo o que compõe a bicicleta. São itens indispensáveis e importantíssimos para o bom funcionamento de todo o sistema.

A Transmissão de uma Mountain Bike

A transmissão de uma mountain bike é composta por compostos: Trocadores de marcha, câmbios dianteiros e traseiros, pedivela, cassete, corrente e pedais.




Marchas e velocidades

Para todo ciclista um dos fatores importantes quando se trata de comprar a bike é o número de marchas ou velocidades de uma bike.

Para ter mais velocidade é necessário ter mais opções e trocas de marchas. Variando de marchas mais leves para as mais pesadas. Essas combinações facilitam o trajeto.

Outro fator relevante é saber qual a finalidade de uso da bike. De acordo com a geografia dos terrenos, mais subidas, mais descidas, trajetos curtos ou longos.

montain-bike
montain-bike

Trocadores de marcha

Fixos no guidão ao lado das manoplas possibilitam trocar marchas para mais leves ou mais pesadas sem a necessidade de tirar as mãos do guidão. Possuem variações de modelos dependendo dos componentes que forem utilizados.

Câmbio dianteiro

É o componente responsável por mudar a corrente de posição, de uma coroa para outra em uma bicicleta com 2 ou 3 coroas no pedivela. O mecanismo é acionado pelo trocador de marcha dianteiro, posicionado no lado esquerdo do guidão.

Pedivela

O pedivela de uma bike pode conter 1, 2 ou 3 coroas (engrenagens). Possui a função de transferir a energia gerada pelo movimento de pedalar do ciclista para a roda traseira.

Com a coroa menor no pedivela se tem maior facilidade para subidas, já a coroa maior permite uma maior velocidade.

Câmbio traseiro

Responsável pela troca de posição da corrente nas engrenagens do cassete. O câmbio traseiro também é acionado pelo trocador de marcha, mas esse, acionado pelo lado direito do guidão.

Quanto mais engrenagens há no cassete, mais posições de troca pode-se fazer pelo trocador de marcha.

Cassete

O cassete é formado por um conjunto de engrenagens, presas entre si e de tamanhos variados, da menor para a maior. A sua função é a de permitir que a corrente, encaixada numa engrenagem, possibilite variações nas pedaladas do ciclista.

Quanto menor a engrenagem, maior a força do ciclista na pedalada e maior a velocidade que se alcança. Quanto maior a engrenagem, mais leve fica a pedalada, com menor velocidade de deslocamento. Ideal para subidas.

Corrente

A corrente da bike é formada por um conjunto de elos metálicos e tem a função de ligar a coroa do pedivela com a engrenagem do cassete. Responsável por transferir a energia da rotação do pedivela para o cassete.

Pedal

O ciclista fica em contato constante com os pedais da bike, eles garantem  a transferência de energia para o pedivela.

Sistema de Freios da Mountain Bike

Os freios das montain bikes na sua maioria são montadas com sistema de freio a disco. Que possuem uma frenagem muito mais segura e com durabilidade.

No sistema completo, os freios de uma bike são formados por: manetes acoplados no guidão e o sistema nas rodas. Podendo ser de disco ou o modelo V-brake.

  • Manetes de freio: Os manetes de freio devem seguir o conjunto do sistema. Manetes para freios do tipo v-brake e manetes para freio a disco mecânico ou hidráulico;
  • V-brake: O sistema de freio do tipo v-brake possui seu funcionamento baseado na fricção de 2 pastilhas no aro da bike. Possui um baixo custo, mas em comparação aos modelos a disco, são muito inferiores. Principalmente em dias de chuva ou trilhas com trechos em água, o sistema fica prejudicado na qualidade de frenagem;
  • Freio a disco hidráulico: O acionamento do mecanismo é feito ao acionar o manete no guidão que através de um duto de óleo faz com que as pinças sejam acionadas e pressionam o disco em movimento. Esse modelo hidráulico é o preferido pelos ciclistas;
  • XFreio a disco mecânico: Os discos são freados através do acionamento das pinças por um cabo de aço, semelhante ao acionamento dos tradicionais freios por cabo de aço possuem uma frenagem mais segura e suave do que os modelos v-brake.

Cubos e Rodas

As rodas da bike MTB são formadas por pneus, câmaras de ar, aros, raios e cubos. Algumas rodas MTB não possuem câmaras de ar com o objetivo de reduzir peso e ainda evitar os furos tradicionais, usando-se para isso o líquido selante, um líquido especial para vedar furos.

Rodas

As rodas podem ser de 26, 27.5 ou 29 polegadas. Atualmente as mais requisitadas são as de rodas com aro 29 polegadas, seguidas pelas rodas 27.5.

Os  são feitos de alumínio e possuem modelos para usar com ou sem câmaras de ar. Os raios são feitos de alumínio para as mountain bikes.

Cubos

Os cubos  são projetados para suportar os impactos e fornecer o equilíbrio do conjunto da roda. É no cubo da roda de uma MTB que se encaixa a blocagem que consiste em um sistema de aperto da roda na bike, facilitando assim a retirada e colocação das rodas, tanto na suspensão dianteira quanto no quadro da bike.

Pneus

Para escolher um pneu é importante saber qual o tamanho do aro, 26, 27.5 ou 29 polegadas.

A largura do pneu da bike também é importante os modelos mais estreitos são geralmente mais leves e deixam a pedalada mais dura, passando o impacto das estradas para a bike. Já os modelos mais largos proporcionam um maior conforto e maior aderência. Atualmente os modelos de pneus Mountain Bike mais usados são os de largura 2.2 a 2.4 polegadas.

Ao que se refere a banda de rodagem  existem vários modelos, alguns com a finalidade de maior velocidade outros para maior aderência e outros que podem ter a junção entre velocidade e aderência.

Muitos pneus de MTB são próprios para o uso sem a câmara de ar, são utilizados líquidos selantes garantem a vedação de pequenos furos sem vazar o ar, evitando que o pneu da bike esvazie.

Suspensão para MTB

Nas bikes de MTB a suspensão dianteira é parte fundamental, pois é responsável por absorver os impactos e devolver em formato de desempenho ao ciclista. Existem  também as suspensões chamadas  full suspension que vem no quadro da bike.

  • Selim: É um ponto de contato do ciclista com a bike. A escolha de um selim adequado para cada biotipo é de extrema importância, com a escolha certa se evita dores e possíveis lesões;
  • Canote de selim: Sua função é fixar o selim ao quadro da bike e pode ser ajustado de acordo com o biotipo de cada atleta;
  • Suporte de guidão: Conhecido como mesa ou avanço do guidão, o suporte de guidão é o componente que fixa o guidão da bike ao sistema de direção, também é possível ajustá-lo;
  • Guidão: É o que permiti ao ciclista conduzir a direção da bike. Possui vários modelos com tamanhos e alturas diferentes, também é visto com muito cuidado pelos especialistas na hora de ajustar as medidas e proporcionar um encaixe adequado;
  • Manopla: Fixado nas extremidades do guidão, permite ao ciclista acomodar as mãos com firmeza e segurança.

Essas são as principais informações para quem está buscando uma mountain bike para iniciar os passeios pelo mundo.

Você gosta desta modalidade? Participe do Congresso Nacional de Ciclismo! Clique no link abaixo:

congresso nacional de ciclismo

 

Acompanhe nosso Feed – Cadastre seu E-mail e Viva Seu Máximo todos os dias!

Receba “Grátis” os links para download dos E-books exclusivos!




Comentários do Facebook

Viva seu Máximo

Últimos posts

Publicidade

Cadastre seu email

RSS Leia, compartilhe com seus amigos. Duplique! Viva Seu Máximo Sempre!
Baixe GRÁTIS o E-book!
Digite seu e-mail abaixo e receba imediatamente!
Não compartilhamos seus dados com terceiros.
Obrigado pelo seu interesse em nosso E-book.
Acesse agora mesmo seu e-mail e confirme seu cadastro.
Minutos depois após a confirmação, você receberá outro e-mail com o Link para download do E-book. #vivaseumaximo o momento é agora!
Baixe GRÁTIS o E-book!
Digite seu e-mail abaixo e receba imediatamente!
Não compartilhamos seus dados com terceiros.
Obrigado pelo seu interesse em nosso E-book.
Acesse agora mesmo seu e-mail e confirme seu cadastro.
Minutos depois após a confirmação, você receberá outro e-mail com o Link para download do E-book. #vivaseumaximo o momento é agora!